I Congresso Acadêmico Científico do UNIFESO

O I CONFESO ocorre no contexto de comemoração dos 50 anos da Fundação Educacional Serra dos Órgãos e 10 anos do Centro Universitário Serra dos Órgãos. É expressão do desenvolvimento institucional no que tange a organização de eventos científicos que oportunizam às comunidades interna e externa a troca de conhecimentos e saberes tão necessários para a construção de uma sociedade justa, solidária e ética.
 
O Congresso reúne um conjunto de atividades acadêmicas científicas oriundas dos cursos de graduação e pós-graduação do UNIFESO, incluindo-se a participação dos Programas de Residência Médica. Serão apresentados os projetos apoiados pelos Programas de Incentivo do UNIFESO como: PICPq (Plano de Incentivo a Iniciação Científica e à Pesquisa), PIIT (Plano de Incentivo a Inovação e Tecnologia), PIEx (Plano de Incentivo à Extensão) e PICEL (Plano de Incentivo à Cultura, Esporte e Lazer). Além destes, também serão expostos os projetos apoiados por agências de fomento externo como: CNPq/MCTIC (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico) a partir dos Programas PIBIC (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica e PIBITI (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação); CAPES/MEC (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) a partir do PIBID (Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência); FAPERJ (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro) a partir do Programa Jovens Talentos.
 

Observatório Educacional

Tutor ou Professor?
Campista Cabral *

 

Tutor ou professor? Professor ou tutor?

Muito se tem discutido, em razão da grande revolução promovida pela tecnologia digital, a respeito do papel do professor na sociedade midiática do século XXI. Que espécie de profissional seria hoje o professor? A partir desta pergunta, tem-se outro questionamento: o tutor seria esse novo profissional? Sim e não!

Na verdade, o professor teria muito mais características do que antes. Ser múltiplo e dinâmico, ser observador e paciente, ser provocador, interagindo e intervindo quando necessário. O que significa dizer que este profissional possui um papel ainda mais complexo do que foi há algumas décadas atrás!

Por esta razão, pensar que tutor e professor são coisas diferentes não é o caminho.

Tecnologia e Educação - Campista Cabral

Primeiro o caos. A escuridão e a cegueira não permitiam nada que não fosse o silêncio ou o medo.

Durante muito tempo, temerosos com tudo, os homens viviam em um planeta pequeno e achatado.

Depois vieram a luz e a razão. E então, a visão pode experimentar o espaço, comprovar a verdade e “as verdades”, estabelecer direções, diluir fronteiras e reescrever o próprio mundo.

Hoje, fala-se o tempo todo sobre a tecnologia. Espasmos e espantos revelam o fascínio sobre a tecnologia. Isto é bastante tecnológico! Este objeto é de altíssima tecnologia! A tecnologia muda o que se pensa sobre as pessoas e o mundo. Na verdade, quando se fala em tecnologia, fala-se da história humana. Dos erros e acertos que levaram ao que chamamos hoje de sociedade do conhecimento!

A realização de sonhos de maneira consciente - Valéria de Oliveira Brites

Com um ambiente econômico estável, o poder de consumo do brasileiro aumentou nos últimos anos. Este fato é extremamente positivo, mas também pode ser bem preocupante se você não souber como consumir, já que poderá se endividar muito e se transformar em um inadimplente.

Através da educação financeira é possível obter conhecimentos e compreender como devemos agir no dia-a-dia para ter qualidade de vida de maneira consciente. É preciso refletir sobre nossa relação com o dinheiro, gerindo os recursos da melhor forma, com o objetivo de conseguir uma vida financeira mais tranquila e equilibrada. Você sabe como lidar com sua vida financeira? Como você realiza seus sonhos? Seus projetos?

Obrigações do fiador nos contratos de locação de imóveis - Victor Eduardo da Silva Lucena

Na sociedade contemporânea, na qual obrigações surgem, são modificadas e extintas a todo tempo, torna-se cada vez mais necessário a utilização de garantias para assegurar o adimplemento e a segurança jurídica nas relações pessoais. Assim sendo, o instituto da fiança ganhou importante papel no direito civil brasileiro, principalmente nas relações locatícias, nas quais é imprescindível que se assegure o adimplemento.

A fiança nada mais é do que uma garantia fornecida por um terceiro, que não é devedor da relação obrigacional, para que a obrigação do contratante, que normalmente é pagar em dinheiro, seja adimplida. Pode-se dizer que estamos diante de uma garantia fidejussória, ou seja, de natureza pessoal lastreada pela confiança existente entre as partes. Nesse sentido, embora seja o patrimônio do terceiro que garanta o pagamento do débito, ela se difere da garantia real, que vincula determinado bem de propriedade do devedor ao cumprimento da obrigação.

Festival Prata da Casa

UNIFESO
FESTIVAL PRATA DA CASA
 
Dia 26 de agosto
Campus Antonio Paulo Capanema de Souza (Alto)
 
Venha curtir com a gente!
 

Lançamento do livro "Discurso Sobre Leituras entre Professores", de Ana Maria Gomes de Almeida

Dia 27/08, a partir das 19h teremos o lançamento do livro "Discurso Sobre Leituras Entre Professores" da autora Ana Maria Gomes de Almeida; Coquetel de inaguração da Exposição do Atelier de Gravura do Centro Cultural FESO Pro Arte; Apresentação de Ballet do Núcleo de Dança, Leitura dramatizada do conto "O espelho", de Guimarães Rosa - direção Ayrton Rebello Filho e RECITAL DO TRIO CERVANTES! Ao final, momento de degustação oferecido pelo restaurante É Vero! Viva Itália. ENTRADA FRANCA!

Projetos aprovados no PICPq 2016/17

É com satisfação que divulgamos a listagem dos projetos aprovados de acordo com o edital do Programa de Iniciação Científica e Pesquisa – PICPq 2016/2017. Nesta edição, tivemos 72 projetos, incluindo as modalidades de pesquisa científica, pesquisa tecnológica, projeto integrado e projeto tecnico-administrativo. Para avaliarmos os projetos submetidos, o grupo gestor do PICPq convidou avaliadores externos, além do apoio administrativo institucional para conferência dos documentos exigidos pelo edital.
 
 

O benefício das crises - Almir Tabajara Alves de Carvalho

Para a maioria das pessoas e empresas a atual crise econômica brasileira é sem precedentes, causando problemas graves no mercado e afetando os empregos e a renda dos brasileiros.

Entende-se por crise toda mudança de grande impacto, que impede as pessoas e empresas, ou amplamente a economia, de se recuperar com facilidade, e retomar ao estágio anterior de pleno controle da situação. 

Uma crise pode ser provocada por fenômenos da natureza, como o que já se abateu sobre a região serrana, mas também pode ser o resultado de pequenos episódios (leia-se também, decisões equivocadas) ou erros cometidos que, ao se somarem, produzem um efeito devastador. Uma crise também pode se estabelecer por mazelas políticas que impactam diretamente a economia de qualquer país, como a nossa, ou bloco econômico, como no caso da Europa.

Caminhando pelo século XX até os nossos dias, o mundo já experimentou nove períodos de instabilidade financeira e econômica que afetaram intensamente países, blocos econômicos e mesmo todo o planeta.

Quadro de Medalhas - Roberta Montello Amaral

Faltam poucos dias para começar as olimpíadas do Rio de Janeiro. Segundo o site Brasil Escola, “os Jogos Olímpicos podem proporcionar um significativo avanço econômico para a cidade e o país-sede do evento. Embora o fato de se candidatar ao megaevento exija uma série de responsabilidades, principalmente em relação à infraestrutura das cidades-candidatas, os benefícios econômicos gerados pelos jogos são bem maiores do que os próprios investimentos para sua realização. A projeção da cidade e do país-sede do evento é tamanha, que é capaz de provocar profundas e permanentes mudanças socioeconômicas positivas. A atração de turistas de diversas partes do mundo faz com que melhorias estruturais permanentes sejam feitas, como rede de transporte, moradia e instalações esportivas. Sem contar nos inúmeros novos postos de trabalho que são gerados direta ou indiretamente através do evento.”

Dentro deste contexto, o item mais almejado pelos atletas são as medalhas de ouro, prata ou bronze. Conforme o site Guia da Semana, nesta edição serão 42 modalidades de esporte nas quais serão distribuídas 306 medalhas no total. Sob este ponto de vista, “o legado” dos Jogos é bastante significativo. Mas será que a dona de casa pensa do mesmo modo?

Páginas